DAVID HOCKNEY – ao mestre, com carinho!

Todas as pessoas envolvidas com a pintura, seja qual for o seu grau de envolvimento, têm um artista do coração. Não necessariamente é o artista que te levou a se envolver com a arte, mas é aquele que conseguiu te arrebatar!

O meu é David Hockney! Consagrado como um dos mais influente artistas britânicos do século 20!

Nos anos 60, artista iniciante na Inglaterra, mudou-se para a Califórnia ( seus comentários sobre as “housewives” são … hummm, divertidos, para dizer o mínimo) e logo tornou-se famoso pela sua séria “swimming pools”.

Além das icônicas piscinas, David Hockney pintou interiores e exteriores Californianos – (Housewives!) ,aqui vale contextualizar, o boom do cinema e das agências de propaganda fazia da Califórnia o éden!

ba755b96f055478334ebaf403c15a44f--british-artists-housewife

Além de pintar, David Hockney fotografava, desenhava, filmava, retratar a imagem era uma paixão, e tem sido assim, para a nossa sorte! E  mais,  nos anos 70, enquanto trabalhava retratando em pintura o interior de uma sala, decidiu fazer uma série de fotos para seu próprio uso como referência, fixando-as todas juntas de forma a lhe permitir pintar a imagem. Uma vez finalizado o trabalho, ele reconheceu a colagem como mais um formato de sua expressão artística em si e começou a criar muitas outras a partir de então.

No decorrer dos anos 70, David Hockney  havia abandonado a pintura em favor de projetos envolvendo fotografia, litogravuras, cenografia, figurinos para ballet, ópera e teatro. Abaixo, sua concepção para montagem de Tristão e Isolda.

25bc934b0d1bc5bfc54a6c88ec8d1eae

Mas nos anos 80, quase 90, para o deleite de seus “devotos”, Hockney volta a pintar, inicialmente paisagens, marinas, flores e retratos de pessoas queridas.

Também começou a incorporar a tecnologia à sua arte, criando suas primeiras impressões (printers) em uma copiadora. O casamento entre arte e tecnologia torna-se então uma fascinação, das impressões a laser aos recursos digitais, chegando ao ipad e ao iphone em 2009. Em 2011, o Royal Museum de Ontário exibiu 100 obras criadas sobre esses suportes.

Em 2013… ah 2013, foi o meu ano de glória, o ano do encontro, o momento de ver a obra, a realidade da obra, ao vivo em toda a sua dimensão! Não vou dizer que foi a realização de um sonho porque eu nem sonhava, foi uma feliz coincidência! Ter a oportunidade de visitar uma exposição histórica sobre a sua obra: A BIGGER EXHIBITION! no de Young Museum em São Francisco!

Eu não fazia ideia, à época, da dimensão do artista, da vastidão de sua obra, eu só sabia que gostava muito do pouco que já havia visto!

David Hockney

Este ano, para a comemoração de seus 80 anos, o Tate Gallery em Londres promoveu uma mostra que acabou por se tornar uma das mostras com maior repercussão popular de sua história, recebendo perto de 500.000 visitantes e fazendo a famosa galeria abrir até meia-noite nas últimas semanas de exibição.

4000

Melhor ainda é saber que esse artista fantástico influenciou gerações e já é possível identificar no mercado da arte os seus seguidores, como fez recentemente a SAATCHI Art Gallery, em seu blog com o artigo:

5 Saatchi Art Artists That Echo Hockney

David Hockney, um artista à frente de seu tempo e que se reinventou muitas vezes, recebendo em vida o merecido reconhecimento!

Curadores, please, está mais do que na hora de trazer David Hockney para São Paulo!

 

Célia Gusman, para o blog da ABRA Pinheiros!

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s